Casa do Cinza

"O amor não cogita de recompensa. É um sentimento que se basta." Dr. Odilon Fernandes


Deixe um comentário

Poema Divino

 

 Pai nosso, que estás no céu, na terra, no fogo, na água e no ar. Pai nosso, que estás nas flores, no canto dos pássaros, no coração a pulsar; que estás na compaixão, na caridade, na paciência e no gesto de perdão.

Pai nosso, que estás em mim, que estás naquele que eu amo, naquele que me fere, naquele que busca a verdade. Pai nosso, que estás naquele que caminha comigo e naquele que já partiu, deixando-me a alma ferida pela saudade.

Santificado seja o Teu nome por tudo o que é belo, bom, justo e gracioso, por toda a harmonia da Criação. Sejas santificado por minha vida, pelas oportunidades tantas, por aquilo que sou, tenho e sinto e por me conduzir à perfeição.

Venha a nós o Teu reino de paz e justiça, fé e caridade, luz e amor. Reino que sou convocado a construir através da mansidão de espírito, reflexo da grandeza interior.

Seja feita a Tua vontade, ainda que minhas rogativas prezem mais o meu orgulho do que as minhas reais necessidades.

Ainda que muitas vezes eu não compreenda mais do que o silêncio em resposta às minhas preces, não Te ouvindo assim dizer: Filho aguarda, tua é toda a eternidade.

O pão nosso de cada dia me dá hoje e que eu possa dividi-lo com meu irmão. As condições materiais que ora tenho de nada servem se não me lembro de quem vive na aflição.

Pão do corpo, pão da alma, pão que é vida, verdade e luz. Pão que vem trazer alento e alegria: é o Evangelho de Jesus.

Perdoa as minhas ofensas, os meus erros, as minhas faltas. Perdoa quando se torna frio meu coração; quando permito que o mal se exteriorize na forma de agressão.

Que, mais do que falar, eu saiba ouvir. Que, ao invés de julgar, eu busque acolher. Que, não cultivando a violência, eu semeie a paz. Que, dizendo não às exigências em demasia, possa a todos agradecer.

Perdoa-me, assim como eu perdoar àqueles que me ofenderem, mesmo quando meu coração esteja ferido pelas amarguras e dissabores da ingratidão.

Possa eu, Senhor da Vida, lembrar de que nenhuma mágoa é eterna e de que o único caminho que me torna sublime é a humilde estrada da reconciliação.

Não me deixes cair nas tentações dos erros, vícios e egoísmo, que me tornam escravo de minha malevolência.

Antes, que Tua luz esteja sobre mim, iluminando-me, para que eu te encontre dentro de minh’alma, como parte que és de minha essência.

E livra-me de todo o mal, de toda violência, de todo infortúnio, de toda enfermidade. Livra-me de toda dor, de toda mágoa e de toda desilusão.

Mas ainda assim, quando tais dificuldades se fizerem necessárias, que eu tenha força e coragem de dizer: Obrigado, Pai, por mais esta lição!

*  *   *

Tudo o que nos cerca é poesia Divina. Há um traço de Deus em cada ser da Criação.

Busquemos por Ele no desabrochar das flores, no correr das águas, no canto do vento, no cintilar das estrelas.

Mas, acima disso, busquemos por Ele em nosso interior. Basta que, por um instante, fechemos os olhos e O sintamos: lá Ele está, dando rima aos versos de nossas vidas…

 

Redação do Momento Espírita.
Disponível no CD Momento Espírita, v. 25, ed. FEP.
Em 9.9.2013.

 


Deixe um comentário

30 coisas que você deve parar de fazer a si mesmo

30 coisas que você deve parar de fazer a si mesmo

 

 

1. Pare de perder tempo com as pessoas erradas.

A vida é muito curta para perder tempo com pessoas que sugam a sua alegria para fora de você. Se alguém quer você em sua vida, eles vão criar espaço para você. Você não deveria ter que lutar por um lugar. Nunca, jamais insista em aparecer diante de alguém que subestima o seu valor. Lembre-se: seus verdadeiros amigos não são as pessoas que estão ao seu lado quando você está vivendo seus melhores dias, mas aquelas que permanecem mesmo nos piores momentos.

 

2. Pare de fugir dos seus problemas.

Encare-os de frente. Não, não vai ser fácil. Não há ninguém no mundo capaz de sair ileso de cada pancada que leve. Não é esperado que estejamos aptos a imediatamente resolver quaisquer problemas.  Simplesmente não somos feitos desta forma. Na verdade, somos feitos para nos irritarmos, nos entristecermos, nos machucarmos, tropeçarmos e cairmos. E é por isto ser a razão mesma de viver – encarar problemas, aprender, se adaptar, e resolvê-los ao longo do tempo. Isso é o que efetivamente nos molda na pessoa que nos tornamos.

 

3. Pare de mentir para si mesmo.

Você pode mentir para qualquer outra pessoa no mundo, mas você não consegue mentir para si mesmo. Nossas vidas melhoram apenas quando arriscamos encarar as oportunidades, e a primeira e mais difícil oportunidade que podemos encarar é sermos honestos conosco mesmos.

 

4. Pare de colocar as suas necessidades em segundo plano.

A coisa mais dolorosa é perder-se de si mesmo no processo de “amar” alguém demais, e esquecer de que você é especial, também. Sim, ajude aos outros; Mas ajude-se também. Se existe um momento para correr atrás de sua paixão, e fazer algo que realmente importa para você mesmo, este momento é agora.

 

5. Pare de tentar ser alguém que você não é.

Um dos maiores desafios na vida é ser você mesmo em um mundo que tenta fazê-lo igual a todos os outros. Alguém sempre vai ser mais bonito, alguém sempre será mais esperto, alguém sempre será mais jovem, mas eles jamais serão você. Não mude para que os outros passem a gostar de você. Seja você mesmo e as pessoas certas vão amar quem você é de verdade.

 

6. Pare de se apegar ao passado.

Você não pode iniciar o próximo capítulo da sua vida se você continua relendo o anterior.

 

7. Pare de ter medo de cometer erros

Fazer algo e falhar é ao menos dez vezes mais produtivo do que não fazer nada. Todo sucesso deixa uma trilha de falhas atrás de si, e cada falha é um passo rumo ao sucesso. Você acaba se arrependendo muito mais das coisas que NÃO fez, do que daquelas que fez.

 

8. Pare de se reprender por velhos tropeços.

Nós podemos amar a pessoa errada e chorar sobre as coisas erradas, mas não importa o quão erradas se tornem. Uma coisa é certa, os enganos nos ajudam encontrar a pessoa e as coisas que são certas para nós. Todos nós cometemos enganos, temos tropeços e mesmo nos arrependemos das coisas em nosso passado. Mas você não é os seus enganos, nem seus tropeços, e você está aqui AGORA com o poder de definir o seu dia e o seu futuro. Toda e cada coisa que aconteceu na sua vida, está te preparando para um momento que ainda virá.

 

9. Pare de tentar comprar felicidade.

Muitas das coisas que desejamos são caras. Mas a verdade é que, as coisas que realmente nos satisfazem, são totalmente grátis – amor, risadas e trabalhar naquilo que nos apaixona.

 

10. Pare de procurar a felicidade exclusivamente nos outros.

Se você não está feliz com quem você é por dentro, você tampouco será feliz em um relacionamento de longo prazo com quem quer que seja. Você precisa criar estabilidade na própria vida em primeiro lugar, antes que possa compartilhá-la com mais alguém.

 

11. Pare de ficar ocioso.

Não pense demais ou você criará um problema que nem existia, para começar. Avalie as situações e tome ações decisivas. Você não pode mudar o que se recusa a encarar. Progredir envolve assumir riscos. Ponto! Você não pode andar até a segunda base e manter o seu pé ainda na primeira.

 

12. Pare de pensar que você não está pronto.

Ninguém realmente se sente 100% pronto quando uma oportunidade aparece. E isto acontece porque as mais grandiosas oportunidades na vida nos forçam a crescer além das nossas zonas de conforto, o que significa que não estaremos totalmente confortáveis, no início.

 

13. Pare de se envolver em relacionamentos pelas razões erradas.

Relacionamentos devem ser escolhidos com sabedoria. É melhor estar só do que em má companhia. Não há necessidade de pressa. Se alguma coisa deve ser, ela acontecerá – no seu tempo certo, com a pessoa certa e pela melhor das razões. Se apaixone quando estiver pronto, não quando estiver solitário.

 

14. Pare de rejeitar novas relações por que as antigas não funcionaram.

Na vida você perceberá que existe um propósito em conhecer cada pessoa que você conhece. Alguns testarão você, outros te usarão, e outros te ensinarão. Mas, o que é mais importante, alguns despertarão o que há de melhor em você.

15. Pare de tentar competir com todo mundo.

Não se preocupe com o que os outros fazem melhor do que você. Concentre-se em bater os seus próprios recordes todos os dias. O sucesso é uma batalha travada apenas entre VOCÊ e VOCÊ MESMO.

 

16. Pare de ter inveja dos outros.

A inveja é a arte de contar as bênçãos alheias, ao invés das próprias. Se pergunte o seguinte: “O que é que eu tenho que todas as outras pessoas desejam?”

 

17. Pare de reclamar e sentir pena de si mesmo.

As “bolas com efeito” da vida são jogadas por um motivo – para mudar o seu caminho numa direção que se destina a você. Você pode não ver ou entender tudo no momento em que isto acontece, e pode ser difícil. Mas pense naquelas “bolas curvas” negativas que foram jogadas para você no passado. Você frequentemente perceberá que no final elas te levaram a melhores lugares, pessoas, estados de espírito, ou situações. Então sorria! Deixe todos saberem que hoje você é mais forte do que era ontem, e então você será.

 

18. Pare de guardar rancor.

Não viva a sua vida com ódio no coração. Você acabará machucando a si próprio muito mais do que as pessoas que você odeia. Perdoar não é dizer “o que você fez de errado comigo não tem importância”, é dizer “eu não vou permitir que o que você fez comigo seja a ruína eterna da minha felicidade”. Perdoar é a resposta… desapegue, encontre paz e liberte-se! E lembre-se, o perdão não é apenas para as outras pessoas, é para si mesmo também. E você deve perdoar-se, seguir em frente e tentar fazer melhor na próxima vez.

 

19. Pare de deixar que os outros te rebaixem ao nível deles

Recuse em baixar os seus padrões de qualidade para acomodar aqueles que se recusam a elevar os deles.

 

20. Pare de perder tempo se explicando aos outros.

De toda forma, seus amigos não precisam e seus inimigos não vão acreditar. Apenas faça o que seu coração aponta como o caminho certo.

 

21. Pare de fazer as mesmas coisas de novo e de novo sem uma pausa.

A hora certa de respirar profundamente é quando você não tem tempo pra isso. Se você continuar insistindo no que está fazendo, você vai continuar obtendo o mesmo resultado. Às vezes, você precisa se distanciar um pouco para ver as coisas mais claramente.

 

22. Pare de negligenciar a beleza dos pequenos momentos.

Aproveite  as pequenas coisas, pois um dia você pode olhar para trás e descobrir que elas eram as grandes coisas. A melhor porção da sua vida será composta dos pequenos e inomináveis momentos que você passa sorrindo junto de alguém  importante pra você.

 

23. Pare de tentar alcançar a perfeição.

O mundo real não recompensa o perfeccionismo, ele recompensa as pessoas que conseguem fazer as coisas.

 

24. Pare de seguir o caminho do menor esforço.

A vida não é fácil, especialmente quando você planeja alcançar algo de valor. Não pegue o caminho mais fácil. Faça algo extraordinário.

 

25. Pare de agir como se tudo estivesse bem, quando não está.

É perfeitamente normal desmoronar por um breve período. Você nem sempre precisa fingir que é o mais forte, nem constantemente tentar provar que tudo está indo bem. Você tampouco deveria se preocupar com o que os outros pensam – chore se precisar – é saudável colocar suas lágrimas para fora. Quanto mais cedo você o fizer, mais cedo você estará apto a sorrir genuinamente de novo.

 

26. Pare de culpar os outros pelos seus próprios problemas.

A dimensão com que você conseguirá realizar seus sonhos depende da dimensão com que você assume responsabilidade pela própria vida. Quando você culpa os outros pelo que você está passando, você nega responsabilidade – você dá aos outros poder sobre aquela parte da sua vida.

 

27. Pare de tentar ser tudo para todos.

Alcançar isto é impossível, e tentar apenas te levará ao esgotamento. Mas fazer uma pessoa sorrir PODE mudar o mundo. Talvez não todo o mundo, mas o mundo dela. Então estreite o seu foco.

 

28. Pare de se preocupar demais.

A preocupação não removerá os obstáculos do amanhã, mas removerá as delícias do dia de hoje. Um modo de verificar se algo vale o esforço e ponderar a respeito é fazer a si mesmo a seguinte pergunta: “Isso importará daqui a um ano? Três anos? Cinco anos?”. Se não, então não é nada que valha o esforço de preocupar-se.

 

29. Pare de focar naquilo que você não quer que aconteça.

Foque naquilo que você quer que aconteça. Pensamento positivo está na dianteira de todo grande história de sucesso. Se você acordar toda manhã com o pensamento de que algo maravilhoso acontecerá na sua vida hoje, e você prestar muita atenção, você com frequência descobrirá que tem razão.

 

30. Pare de ser ingrato.

Não importa o quão bom ou o quão ruim as coisas  estejam. Acorde todo dia grato pela sua vida. Alguém em algum lugar está desesperadamente lutando pela própria vida. Ao invés de pensar naquilo que falta, tente pensar em tudo aquilo que você já tem e que quase todo mundo sente falta.


Deixe um comentário

ESTRESSE? POR QUÊ?!!

Em uma conferência, ao explicar para a plateia a forma de controlar o estresse, o palestrante levantou um copo com água e perguntou:

– Qual o peso deste copo d’água?

As respostas variaram de 250 a 700 gramas.
O palestrante então disse:

– O peso real não importa. Isso depende de por quanto tempo você segurar o copo levantado. Se o copo for mantido levantado durante um minuto, isso não é um problema. Se o manter levantado por uma hora, vai acabar com dor no braço. Mas se o ficar segurando um dia inteiro… provavelmente vai ter cãibras dolorosas e terá de chamar uma ambulância!
Isso acontece também com o estresse e a forma como controlamos o estresse. Se você carrega a sua carga por longos períodos, ou o tempo todo, cedo ou tarde a carga vai começar a ficar incrivelmente pesada e, finalmente, você não será mais capaz de carregá-la. Para que o copo de água não fique pesado, você precisa colocá-lo sobre alguma coisa de vez em quando e descansar antes de pegá-lo novamente. Com a carga emocional acontece o mesmo. Mas quando estamos refrescados e descansados nós podemos novamente transportar a nossa carga.

Em seguida, ele distribuiu um folheto que continha algumas formas de administrar as cargas da vida:

1. Aceite que há dias em que você é o pombo e outros em que você é a estátua.

2. Mantenha sempre as suas palavras leves e doces, pois pode acontecer de você precisar engolir, de repente, todas elas.

3. Só leia coisas que façam você se sentir bem e ter a aparência boa… caso você morra durante a leitura!

4. Dirija com muito cuidado. Só os carros apresentam defeitos e têm “recall” dos fabricantes…

5. Se não puder ser gentil, pelo menos tenha a decência de ser vago.

6. Se você emprestar para alguém e nunca mais vir essa pessoa, provavelmente valeu a pena pagar o preço para se livrar dela.

7. Pode ser que o único propósito da sua vida seja servir de exemplo para os outros.

8. Nunca compre nada que você não possa manter.

9. Quando você tenta pular obstáculos, lembre que está com os dois pés no ar e sem apoio nenhum. Portanto dê um passo atrás do outro com calma.

10. Ninguém se importa se você consegue dançar bem. Para participar e se divertir no baile, levante e dance prontamente.

11. Uma vez que a minhoca madrugadora é a que é devorada pelo pássaro, durma até mais tarde sempre que puder.

12. Lembre-se que sempre é o segundo rato que come o queijo; o primeiro fica preso na ratoeira. Saiba esperar… sempre tem queijo grátis nas ratoeiras.

13. Quando tudo parece estar vindo na sua direção, provavelmente você está no lado errado da estrada.

14. Aniversários são bons para você. Quanto mais você tem, há mais tempo você vive.

15. Alguns erros são divertidos demais para serem cometidos só uma vez!

16. Podemos aprender muito com uma caixa de lápis de cor: Uns têm pontas aguçadas, outros têm formas bonitas e alguns são sem graça. Alguns têm nomes estranhos, outros são de cores diferentes, MAS todos são lápis e precisam viver na mesma caixa!

17. Não perca tempo algum odiando alguém, remoendo ofensas e pensando em vingança. Enquanto você faz isso a pessoa está vivendo bem feliz e você é quem se sente mal e tem o gosto amargo na boca…

18. Quanto mais alta é a montanha, mais difícil é a escalada. Poucos conseguem chegar ao topo, mas são eles que admiram a paisagem do alto e fazem as fotos que você admira ao dizer que queria ter estado lá.

19. Uma pessoa feliz é aquela que segue devagar pela estrada da vida, desfrutando o cenário, parando nos pontos interessantes e descobrindo atalhos para lugares lindos e maravilhosos que poucos conhecem…

Portanto, antes de você voltar para casa, deposite sua carga de trabalho no chão. Não carregue para casa. Você pode voltar a pegá-la amanhã. Com tranquilidade!!!


Deixe um comentário

Manual para 2013, 14, 15,16…

Saúde:
1. Beba muita água
2. Coma mais o que nasce em árvores e plantas, e menos comida produzida em fábricas;
3. Viva com os 3 E’s: Energia, Entusiasmo e Empatia;
4. Arranje tempo para orar;
5. Jogue mais jogos;
6. Leia mais livros do que leu em 2012;
7. Sente-se em silêncio pelo menos 10 minutos por dia;
8. Durma 8 horas por dia;
9. Faça caminhadas de 20-60 minutos por dia, e enquanto caminha sorria.

Personalidade:
11. Não compare a sua vida a dos outros. Ninguém faz idéia de como é a caminhada dos outros;
12. Não tenha pensamentos negativos ou coisas de que não tenha controle;
13. Não se exceda. Mantenha-se nos seus limites;
14. Não se torne demasiadamente sério;
15. Não desperdice a sua energia preciosa em fofocas;
16. Sonhe mais;
17. Inveja é uma perda de tempo. Tem tudo que necessita….
18. Esqueça questões do passado. Não lembre seu parceiro dos seus erros do passado. Isso destruirá a sua felicidade
presente;
19. A vida é curta demais para odiar alguém. Não odeie.
20. Faça as pazes com o seu passado para não estragar o seu presente;
21. Ninguém comanda a sua felicidade a não ser você;
22. Tenha consciência que a vida é uma escola e que está nela para aprender. Problemas são apenas parte, que aparecem
e se desvanecem como uma aula de álgebra, mas as lições que aprende, perduram uma vida inteira;
23. Sorria e gargalhe mais;
24. Não necessite ganhar todas as discussões. Aceite também a discordância;

Sociedade:
25. Entre mais em contato com sua família;
26. Dê algo de bom aos outros diariamente;
27. Perdoe a todos por tudo;
28. Passe tempo com pessoas acima de 70 anos e abaixo de 6;
29. Tente fazer sorrir pelo menos três pessoas por dia;
30. Não te diz respeito o que os outros pensam de você;
31. O seu trabalho não tomará conta de você quando estiver doente. Os seus amigos o farão. Mantém contato com eles.

A Vida:
32. Faça o que é correto;
33. Desfaça-se do que não é útil, bonito ou alegre;
34. DEUS cura tudo;
35. Por muito boa ou má que a situação seja…. Ela mudará…
36. Não interessa como se sente, levanta, se arruma e aparece;
37. O melhor ainda está para vir;
38. Quando acordar vivo de manhã, agradeça a DEUS pela graça.
39. Mantenha seu coração sempre feliz.


Deixe um comentário

os sete pecados capitais

os sete pecados capitais

Autoria desconhecida
Certo dia, um casal ao chegar do trabalho encontrou algumas pessoas dentro
de sua casa. Achando que eram ladrões, marido e mulher ficaram assustados;
mas um homem forte e saudável, com corpo de halterofilista disse:
– Calma pessoal, nós somos velhos conhecidos e estamos em toda parte do
mundo.- Mas quem são vocês? – pergunta a mulher.
– Eu sou a Preguiça – responde o homem másculo.
– Estamos aqui para que vocês escolham um de nós para sair definitivamente
da vida de vocês.
– Como pode você ser a preguiça se tem um corpo de atleta que vive malhando
e praticando esportes? – indagou a mulher.
– A preguiça é forte como um touro e pesa toneladas nos ombros dos
preguiçosos. Com ela, ninguém pode chegar a ser um vencedor.
Uma mulher velha curvada, com a pele muito enrugada, que mais parecia uma
bruxa diz:- Eu, meus filhos, sou a Luxúria.- Não é possível! – diz o homem
– Você não pode atrair ninguém com essa feiúra.
– Não há feiúra para a luxúria, queridos. Sou velha porque existo há muito
tempo entre os homens. Sou capaz de destruir famílias inteiras, perverter
crianças e trazer doenças para todos, até a morte. Sou astuta e posso me
disfarçar na mais bela mulher.
E um mau-cheiroso homem, vestindo roupas maltrapilhas, que mais parecia um
mendigo, diz:
– Eu sou a Cobiça, por mim muitos já mataram, por mim muitos abandonaram
famílias e pátria. Sou tão antigo quanto a Luxúria, mas eu não dependo dela
para existir.
– E eu, sou a Gula, diz uma lindíssima mulher com um corpo escultural e
cintura finíssima. Seus contornos eram perfeitos, e tudo no corpo dela
tinha harmonia de forma e movimentos. Assustam-se os donos da casa, e a
mulher diz:- Sempre imaginei que a gula seria gorda.
– Isso é o que vocês pensam! – responde ela.
– Sou bela e atraente, porque se assim não fosse, seria muito fácil
livrarem-se de mim. Minha natureza é delicada, normalmente sou discreta,
quem tem a mim não se apercebe, mostro-me sempre disposta a ajudar na busca
da luxúria.
Sentado em uma cadeira num canto da casa, um senhor, também velho, mas com
o semblante bastante sereno, com voz doce e movimentos suaves, diz:
– Eu sou a Ira. Alguns me conhecem como cólera. Tenho muitos milênios
também. Não sou homem, nem mulher, assim como meus companheiros que estão
aqui.
– Ira? Parece mais o vovô que todos gostariam de ter! – diz a dona da casa.
– E a grande maioria me tem! – responde o vovô.
– Matam com crueldade, provocam brigas horríveis e destroem cidades quando
me aproximo. Sou capaz de eliminar qualquer sentimento diferente de mim,
posso estar em qualquer lugar e penetrar nas mais protegidas casas. Pareço
calmo e sereno para mostrar-lhes que a Ira pode estar no aparentemente
manso. Posso também ficar contido no íntimo das pessoas sem me manifestar,
provocando úlceras, câncer e as mais temíveis doenças.
– Como inveja, se é rica e bonita e parece ter tudo o que deseja? – diz a
mulher da casa.
– Há os que são ricos, os que são poderosos, os que são famosos e os que
não são nada disso, mas eu estou entre todos. A inveja surge pelo que não
se tem e o que não se tem é a felicidade. Felicidade depende de amor, e
isso é o que de mais carece a humanidade… Onde eu estou, está também a
Tristeza.
Enquanto os invasores se explicavam, um garoto, que aparentava cerca de
cinco a seis anos, brincava pela casa. Sorridente e de aparência inocente,
característica das crianças, sua face de delicados traços mostravam a
plenitude da jovialidade, olhos vívidos…
– E você, garoto, o que faz junto a esses que parecem ser a personificação
do mal?
O garoto responde com um sorriso largo e olhar profundo:
– Eu sou o Orgulho.
– Orgulho? Mas você é apenas uma criança! Tão inocente como todas as
outras.
O semblante do garoto tomou um ar de seriedade que assustou o casal, e ele
então diz:
– O orgulho é como uma criança mesmo, mostra-se inocente e inofensivo, mas
não se enganem, sou tão destrutível quanto todos aqui, quer brincar comigo?
A Preguiça interrompe a conversa e diz:
– Vocês devem escolher quem de nós sairá definitivamente de suas vidas.
Queremos uma resposta.
O homem da casa responde:
– Por favor, dêem dez minutos para que possamos pensar. O casal se dirige
para seu quarto e lá fazem várias considerações. Dez minutos depois
retornam.- E então? – pergunta a Gula.
– Queremos que o Orgulho saia de nossas vidas.
O garoto olha com um olhar fulminante para o casal, pois queria continuar
ali. Porém, respeitando a decisão dirige-se para a saída.
Os outros, em silêncio, iam acompanhando o garoto quando o homem da casa
pergunta:- Ei! Vocês vão embora também?
O Menino, agora com ar severo e com a voz forte de um orador experiente,diz:
– Escolheram que o Orgulho saísse de suas vidas e fizeram a melhor escolha:
– Porque onde não há orgulho, não há Preguiça pois os preguiçosos são
aqueles que se orgulham de nada fazerem para viver, não percebendo que na
verdade vegetam.
Onde não há orgulho, não há luxúria, pois os luxuriosos têm orgulho de seus
corpos e julgam-se merecedores. Onde não há orgulho, não há cobiça pois os
cobiçosos têm orgulho das migalhas que possuem, juntando tesouros na terra
e invejando a felicidade alheia, não percebendo que na verdade são
instrumentos do dinheiro. Onde não há orgulho, não há gula, pois os gulosos
se orgulham de suas condições e jamais admitem que o são, arrumam desculpas
para justificar a gula, não percebendo que na verdade são marionetes dos
desejos. Onde não há orgulho, não há ira, pois os irosos com facilidade
destroem aqueles que, segundo o próprio julgamento, não são perfeitos, não
percebendo que na verdade sua ira é resultado de suas próprias
imperfeições. Onde não há orgulho, não há inveja, pois os invejosos sentem
o orgulho ferido ao verem o sucesso alheio seja ele qual for; precisam
constantemente superar os demais nas conquistas, não percebendo que na
verdade são ferramentas da insegurança. Saíram todos sem olhar para trás.


Deixe um comentário

Recordas?

Deves aprender a obediência perfeita.
Se queres chegar a mestre, aprendes antes de tudo a ser discípulo.
O que necessitas é disciplina . . . auto-domínio.
Antes, teu entusiamo por minha causa era pueril e efervescente.
Agora esta sendo substituído pelo verdadeiro conhecimento interno.
Regenerar-se a si mesmo, é um processo longo e doloroso.
Para poderes crescer, é necessário que antes sejas severamente franco contigo mesmo.
O melhor, o mais belo que trazes em ti, deve surgir.
Recorda! não sou o universo; Sou o “espirito” que esta mais além.
O universo é para mim em mero esqueleto. Só me interessa a ALMA.
Não se deixes enganar pela magnitude exterior das coisas.
A divindade não está na forma, nem tampouco no pensamento.
É a consciência, purificada, livre, espiritual, feliz, emancipada de todo pensamento,
Que não conhece nem pode conhecer mancha, ou mácula, ou apego, ou limitação.
Dentro do mais íntimo tu e Eu somos UM.
Recorda ! Recorda ! Recorda sempre que estou contigo!
Compreende que teu Eu é a mesma substância da verdade, a substância da divindade.
Em verdade Deus mora dentro de ti, dentro do teu coração.
Que a Paz Seja Contigo
17/07/2008